1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (Sem avaliações)
Loading...

Temporada de Inverno – Viaje para João Pessoa

0

 

Assim como outras capitais do Nordeste, João Pessoa é uma cidade quente. Isso não significa, no entanto, que qualquer época do ano seja aconselhável para uma viagem. Verão é tempo de alta temporada e, apesar dos preços mais salgados, a melhor época para viajar. Nesse período, com médias de 26ºC, o mar está morno e as chuvas são mais escassas.

No inverno, com médias na casa dos 24ºC, os dias continuam quentes, mas a viagem pode não ser tão bacana por coincidir com o período de chuvas. Para não ter sua viagem comprometida pelo mal tempo, evite o período chuvoso, que vai de março a agosto. No Carnaval a cidade fica cheia, mas não por causa dos festejos e sim por ser um destino pacato, onde as pessoas podem descansar.

Viajar na terceira idade Joao pessoa

Os pessoenses se orgulham do título de ‘uma das cidades mais verdes do mundo’, mas a conta é inflada pela existência de uma reserva (fechada) de mata atlântica área urbana, a Mata do Buraquinho. Nas ruas não muita sombra, não. Para aproveitar a cidade, a melhor dica é: acorde cedo! João está uma hora adiantada, ou seja, o fuso horário deveria ser o mesmo de Fernando de Noronha.

Como não é, o sol nasce o ano inteiro antes das 5h, e o pôr do sol acontece no máximo às 17h. É muito fácil se movimentar pela beira-mar e sair em busca de praias escondidinhas tanto ao norte, em Cabedelo, quando ao sul, na Costa do Conde. Outra dica, tente viajar na Lua cheia ou Nova, pois vocês vão ver, quando contar sobre minha viagem que muitos passeios dependem da maré.

O que fazer em Joao pessoa?

O profano também tem seu lugar e atende pelos nomes de Folia de Rua e Muriçocas do Miramar, reunindo o melhor do frevo e do maracatu, durante o pré-Carnaval. O forró marca presença nas festas juninas, em homenagem a São João. Um dos cartões-postais da cidade, o Farol do Cabo Branco sinaliza que João Pessoa é o ponto oriental extremo das Américas – em suas praias, o sol nasce primeiro.

No quesito gastronomia, embora emoldurada por uma bela orla, a cozinha da capital não se limita aos de frutos do mar. Porreta mesmo são as receitas do sertão, à base de carne-de-sol e de bode, macaxeira, arroz de leite, feijão-de-corda e manteiga de garrafa. Para a sobremesa, dá-lhe rapadura!

Quantos dias ideais para ficar?

Uma semana dá para você aproveitar tranquilamente conhecendo e fazendo os passeios fora da cidade, Você pode aproveitar e conhecer também Natal que é perto, + ou – 188km, Recife 120km, e Porto de galinhas.

Onde se hospedar?

Avenida Cabo Branco, Tambaú e Manaíra. Os dois primeiros é a região mais turística, perto da feirinha de artesanato, e onde sai alguns passeios como picãozinho. Já Manaíra você encontra mais as pessoas da cidade mesmo e menos turistas.

Alguns restaurantes recomendados:

Quem for a esta cidade não deixe de ir, mais de jeito nenhum ao Nau, este restaurante é simplesmente maravilhoso, e quem é apaixonado por sobremesas, experimente o brownie surpresa!

Outro também muito bom que é do mesmo dono é o Mangai, com comidas típicas, tem o porto madeiro, restaurante muito bonito no qual você pode preparar seu próprio macarrão e por último o Marítimos que também é pertinho da avenida Cabo Branco.

Já o Mangai e o Nau são um pouco mais distantes da praia. Volta e meia João Pessoa é apresentada como o último pedaço do Nordeste a ser descoberto. Em parte é verdade: a Paraíba ainda é bem menos conhecida do que deveria.

Recomendados para você:

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA